O Bitcoin (BTC) começou seu repentino crash devido a outra venda gigantesca do esquema de pirâmide PlusToken, sugerem analistas, já que o BTC / USD perdeu o suporte de US$ 8.000.

De acordo com vários comentaristas online que citam os dados da Blockchain, os participantes do esquema de US$ 2,9 bilhões estão novamente tentando se livrar do seu BTC..

Diversos movimentos provavelmente significam vendas

Ergo, a conta do Twitter que acompanha de perto as atividades do PlusToken, coloca o total de fundos envolvidos em cerca de 13.000 BTC ou cerca de US$ 210 milhões no preço atual de mercado.

Desta vez, disse Ergo, as moedas estavam indo para diversos serviços para esconder sua rastreabilidade. Dois endereços foram identificados, eliminando seus saldos em 5 de março.

"Estou analisando e teorizando sobre isso há meses e não vejo um cenário em que as moedas não estejam sendo vendidas, pelo menos até certo ponto", resumiu a conta. 

“Isso provavelmente era óbvio para as exchanges a partir de setembro. As contas deviam ter sido congeladas."

A conta acrescentou, no entanto, que as vendas agora estavam ocorrendo a uma "taxa muito mais lenta" em comparação com um período de atividade mais intenso em agosto do ano passado.

Gráfico de preços do Bitcoin mostrando os movimentos do PlusToken. Fonte: Chainalysis

"Batendo no mercado com ordens de venda"

A volatilidade dos preços do Bitcoin parece influenciar as atividades do PlusToken. Durante o último movimento de fundos, várias semanas atrás, o BTC / USD estava experimentando turbulência perto da marca de US$ 10.000.

“Eles estão atacando o mercado com pedidos de venda. Basicamente, temos uma baleia gigante sendo descarregada após cada movimento ”, acrescentou o analista do Twitter, Kevin Svenson, em seus comentários no domingo.

As perdas de 24 horas para os investidores de Bitcoin totalizaram 9,5% no momento desta publicação.