2017 Performance do mercado: Criptos vs. Ações

Se olharmos através do globo, acharemos muitos exemplos de mercados de ações com forte performance em 2017. No entanto, nenhum é comparável a apreciação massiva vista no setor de criptomoedas.

Aviso: Se você é primariamente um investidor de equity, você será logo compelido a entrar no mundo das criptomoedas já que a performance das criptomoedas em 2017, se comparadas aos mercados de ações, foi astronômica.

Os melhores em performance dentre esses mercados no ano passado (excluindo a Venezuela com um percentual em ganho de 3.884 resultado de uma inflação crescente) foi o Zimbabwe com um avanço de 117.7 porcento, enquanto a maior criptomoeda o Ripple, deixou o Zimbabwe no pó com o incrível percentual de retorno de 28.963. O Ripple terminou 2016 em US$0.0065 e lá por 31 de dezembro de 2017 subiu para US$2.25.

Perto do final de 2017 o Ripple havia passado o Ethereum como a segunda maior criptomoeda por mercado de capitalização com US$77.1 bi e US$72.9 bi, respectivamente. Mesmo que em um tamanho bem menor do que o da capitalização de mercado do Bitcoin que é US$248.3 bi, ele está crescendo rápido. A capitalização de mercado do Ripple subiu aproximadamente 31.637 porcento no último ano e o Ethereum cresceu próximo de 1.300 porcento. Em terceiro lugar em crescimento, ainda que distante está o Bitcoin, com um crescimento de 447 porcento nos últimos 12 meses.

Os mercados de ações com melhor performance em 2017

Conforme você pode ver na tabela a seguir, os mercados de ações com as melhores performances de 2017, os retornos relativamente altos vieram de mercados de ações menos desenvolvidos e emergentes como o da Argentina com um percentual de retorno