Os traders de Bitcoin (BTC) estão mudando seus hábitos em 2020 - mas a volatilidade ainda é dominada pelo início das negociações no mercado de ações de Nova York.

De acordo com dados que circulam atualmente nas mídias sociais, a volatilidade da maior criptomoeda por capitalização de mercado está altamente correlacionada com a abertura dos mercados dos Estados Unidos.

Bolsas de valores dos EUA aumentam volatilidade do BTC

Em comparação, a abertura da bolsa de Londres e da Ásia tem um impacto consideravelmente menor na volatilidade do Bitcoin.

"Podemos simplesmente interromper as negociações de $BTC durante a Ásia + as horas do Euro", brincou o principal trader Hsaka, carregando as descobertas, que se relacionam aos dias anteriores na exchange americana Coinbase.

Gráfico BTC / USD mostrando volatilidade na abertura do mercado de ações. Fonte: Hsaka/ Twitter

Dados adicionais da Skew confirmam a tendência. Atualmente, por volta das 16:00 UTC (13:00 no horário de Brasília), marca a hora do dia mais intensa para as negociações de Bitcoin.

Novamente usando a Coinbase, além da Binance, a Skew descobre que o meio da semana também é mais intenso que o início ou o fim da semana de trabalho. Os fins de semana, como costuma ser observado, são ainda mais silenciosos.

Resumo de 1 mês do volume de negociação de Bitcoin. Fonte: Skew

Por exemplo, nos últimos 30 dias, a Coinbase registrou uma média de US$ 6,5 milhões em volume entre as 15:00 e as 16:00 UTC. A hora mais silenciosa, às 9h, viu apenas US$ 2 milhões.

Esses horários correspondem às 12h EST, ou 2,5 horas após a abertura oficial dos mercados de NY.

A nova face do comércio de Bitcoin

Os dados podem ter revelado tendências de mudança entre os traders de Bitcoin, possivelmente devido à crescente prevalência de instituições no mercado.

No ano passado, o Cointelegraph relatou uma pesquisa que indicava que, na época, o horário de negociação mais ativo em termos de volume era 1:00 UTC.

Retirada da média 2017-2019, a pesquisa sugeriu que, na época, os traders asiáticos tiveram um impacto perceptível.

Desde então, a composição da arena de negociação de Bitcoin passou por uma metamorfose, com players maiores e mais capital entrando. Como recentemente coberto pelo Cointelegraph, os mercados de derivativos de Bitcoin continuam a estabelecer recordes de volumes e interesse aberto em 2020.

Leia mais: