As visões e opiniões expressas aqui são exclusivas do autor e não refletem necessariamente as opiniões do Cointelegraph. Todo investimento e movimentação comercial envolve risco, você deve fazer sua própria pesquisa antes de tomar uma decisão.

Dados de mercado fornecidos pela exchange HitBTC

O sentimento no espaço cripto é frágil. Até mesmo um sopro de notícias ou boatos negativos em vendas acentuadas. Os mercados estão ignorando as notícias favoráveis ​​e estão focados em notícias e eventos negativos. No entanto, em níveis mais baixos, esperamos que os players institucionais que perderam o rali anterior voltem a comprar mais uma vez.

Os fundamentos estão melhorando, com o Banco Central Europeu e o Fed dos EUA indicando novos cortes ans taxas. Acreditamos que o lançamento da plataforma de futuros Bakkt será um grande impulsionador do sentimento e provavelmente atrairá os participantes institucionais mais uma vez.

Os gestores de fundos de cobertura que estão no início do jogo estão logrando grandes benefícios ao incluir o Bitcoin em seu portfólio.

O fundo de Bill Miller, diversificado com o Bitcoin, retornou 46% no primeiro semestre de 2019.

Com uma gestão de dinheiro adequada, esses primeiros adotantes gerarão retornos enormes e obrigarão outras pessoas a se juntarem ou a ficarem para trás. Vamos ver se detectamos alguma oportunidade de compra após a recente queda.

BTC/USD

Depois de ficar acima do apoio de US$ 9.727,55 nos últimos três dias, os touros escalaram até US$ 10.000 hoje. Entretanto, a venda agressiva perto da EMA de 20 dias resultou em uma queda e US$ 10.037,96 para US$ 9.472,62 em 15 minutos. Isso mostra que os ursos têm vantagem no curto prazo.

As médias móveis completaram um cruzamento de baixa, o que confirma uma mudança no sentimento de comprar na depressões para vender nos ralis.

Se o Bitcoin (BTC) romper os US$ 9.080, que é a mínima intradiária de 17 de julho, esperamos que a venda se intensifique e o preço caia para a próxima zona de suporte de US$ 6.933,90 - US$ 7.451,63.

 

 

Porém, mesmo após o recente recuo, o par BTC/USD está muito acima de sua baixa anual de US$ 3.236,09. Portanto, consideramos que a queda atual é uma oportunidade de compra, mas os negociadores devem esperar que a correção termine e um fundo se forme antes de comprar.

Ao contrário do que acreditamos, se o preço reverter a direção do suporte e subir acima das médias móveis, isso indicará forte demanda em níveis mais baixos. Nesse caso, poderíamos sugerir posições longas caso a fuga persista. Até lá, não encontramos nenhuma configuração de alta que possa ser comprada.

ETH/USD

Os ursos estão tentando afundar o Ether (ETH) abaixo da linha de tendência de alta. Se bem sucedidos, a alt pode cair para US$ 192.945, abaixo do qual a queda pode chegar a US$ 150. A MME de 20 dias está diminuindo e o RSI continua a ser negociado no território negativo, o que sugere que os ursos estão dando as cartas.

Nossa visão de baixa será invalidada se o par ETH/USD der a volta dos níveis de suporte e subir acima da resistência de US$ 235,70. É provável que tal movimento atraia compradores e o preço pode subir para a SMA de 50 dias e além, um novo teste dos US$ 320.840 se faz bastante possível.

Portanto, sugerimos que os negociadores permaneçam à margem até que o preço quebre e feche (período de tempo UTC) acima de US$ 235,70.

XRP/USD

O XRP não conseguiu escalonar acima da EMA de 20 dias desde que caiu abaixo dela, em 27 de junho. Isso é um sinal negativo. O preço recuou novamente da EMA de 20 dias e agora pode testar novamente o suporte crítico de US$ 0,27795.

Como este nível foi suporte em cinco ocasiões anteriores (marcadas por reticências no gráfico), um rompimento do mesmo desencadeará muitas perdas de parada. Embora haja suporte em US$ 0,25408, ele pode não se manter e o par XRP/USD pode cair para US$ 0,19.

Portanto, os traders de longo prazo que estabeleceram posições compradas em nossa recomendação anterior devem manter a stop loss em US$ 0,2750.

No entanto, se os touros defenderem o nível de suporte mais uma vez, o par tentará permanecer dentro do grande alcance de US$ 0,27795 - US$ 0,450. Nós não encontramos nenhum padrão confiável para os swing traders ainda.

LTC/USD

Os ursos estão tentando retomar a tendência de baixa no Litecoin (LTC). Ele pode declinar para a zona de suporte de US$ 76,7143 a US$ 83,650. Se os touros não conseguirem defender esta zona, a correção poderá aumentar para US$ 58, o que é um forte nível de suporte.

Ao contrário de nossa expectativa, se o par de LTC/USD refletir a zona de suporte e sair da linha de tendência de baixa, ele dará sinais de força. Até lá, sugerimos que os traders evitem posições novas, porque a compra em um mercado em queda pode rapidamente transformar o negócio em um perdedor.

O melhor momento para comprar é depois que o preço sinaliza uma inversão de tendência.

BCH/USD

Os touros levaram o Bitcoin Cash (BCH) acima da linha de resistência do canal descendente em 26 de julho, mas eles não conseguiram escalar acima da EMA de 20 dias. Isso atraiu a venda e o preço entrou novamente no canal, que é um sinal de baixa.

O par BCH/USD pode cair para US$ 282 e, se esse suporte for rompido, o próximo nível a ser observado é o de US$ 251,23. Este é um suporte importante e uma queda abaixo dele, invalidará nossa visão de que o par será negociado dentro do intervalo de US$ 251,23 a US$ 345,80. Nós teremos uma imagem clara nos próximos dias.

Se o preço se recuperar rapidamente e subir acima da MME de 20 dias, ele sugerirá demanda em níveis mais baixos. Esperaremos o preço romper os US$ 435,80 antes de propor uma negociação nele.

BNB/USD

O Binance Coin (BNB) destruir a linha de tendência de alta mais uma vez. Seu próximo suporte é de US$ 24,1709. Se esse suporte também for rompido, a queda poderá se estender para US$ 18,30.

A MME de 20 dias está tendendo para baixo, mas a inclinação não é íngreme, o que sugere que os ursos tenham apenas uma pequena vantagem.

O par BNB/USD tem apresentado um grande desempenho nos últimos meses. Ele também corrigiu muito menos em comparação com outras altcoins, o que sugere que ele está em mãos fortes que esperam que a tendência de alta seja retomada.

Sendo assim, permanecemos otimistas e recomendaremos uma posição longa assim que detectarmos uma inversão de tendência. Até lá, sugerimos que os traders permaneçam à margem.

EOS/USD

A EOS não conseguiu romper e se manter acima da MME de 20 dias, portanto, nossa compra recomendada na análise anterior não foi detonada. Uma falha em escalar acima da EMA de 20 dias atraiu a venda.

O par EOS/USD pode agora entrar novamente no canal, que é um sinal de baixa. Há um suporte menor em US$ 3,8723, abaixo do qual a queda pode se estender até a linha de suporte do canal.

Ao contrário do que acreditamos, se o preço subir para US$ 3,8723 e mais, se subir além de US$ 4,9, isso indicará a demanda em níveis mais baixos. Vamos esperar que o preço sinalize uma reviravolta antes de recomendar uma negociação.

BSV/USD

O caminho de menor resistência em uma tendência de baixa é o lado negativo. Depois de tentar manter acima da EMA de 20 dias nos últimos dias, o Bitcoin SV (BSV) despencou abaixo dela. Isso mostra uma venda renovada. Os ursos têm a vantagem uma vez que o preço permaneça dentro do canal descendente.

Atualmente, os touros estão tentando manter o preço na metade superior do canal. Contudo, se o par BSV/USD não saltar rapidamente, corre o risco de cair para a linha de suporte do canal, o que está próximo dos recentes mínimos de US$ 107.

O par sinalizará uma mudança na tendência somente depois que ele sair do canal e o sustentar. Até lá, permanecemos neutros no par.

XLM/USD

O Stellar (XLM) está enfrentando vendas na EMA de 20 dias. Agora ele pode cair para a zona de suporte de US$ 0,072545 a US $ 0,076. Esta é uma zona crítica, porque abaixo disso, a criptomoeda cairá para novos mínimos anuais, o que sinalizará o início de uma nova tendência de baixa.

Uma nova baixa anual, quando a maioria das outras grandes criptomoedas ainda estão muito acima de suas mínimas, mostra desempenho inferior. As médias móveis e o RSI abaixo de 50 sugerem que os ursos estão no controle.

Nossa visão será invalidada se o preço sair da zona de suporte e subir acima de US$ 0,097795. Isso aumentará a possibilidade de o par XLM/USD ficar dentro do intervalo. Como o preço está cotado perto dos mínimos anuais, não estamos sugerindo uma negociação nele.

ADA/USD

O recuo no Cardano (ADA) atingiu a parede na EMA de 20 dias. Ambas as médias móveis estão em baixa e o RSI está na zona negativa, o que sugere que os ursos têm a vantagem. Se o preço agora cair abaixo da baixa recente de US$ 0,0501579, ele pode cair para a próxima zona de suporte de US$ 0,036 - US$ 0,039.

Todavia, se o suporte em US$ 0,0501579 for válido, os touros tentarão novamente empurrar o preço de volta acima da EMA de 20 dias. Se for bem sucedido, um rali para SMA de 50 dias e acima para US$ 0,10 é provável. Portanto, mantemos a recomendação de compra dada em nossa análise anterior .

Embora a tendência do par ADA/USD esteja em baixa, sugerimos uma compra, porque se os vencedores não puderem capitalizar sobre o desdobramento abaixo do suporte de US$ 0,0592761, isso mostra a compra em níveis mais baixos.

Os comerciantes que fecharem suas posições longas serão forçados a voltar se o preço se sustentar acima de 20 dias da EMA.

Dados de mercado fornecidos pela exchange HitBTC.