Quando você deixa passar uma oportunidade, pode ser que você se arrependa para sempre.

Foi o que aconteceu com um gamer que recusou pagamento em adesivos, que sete anos depois valem milhões.

A história foi publicada no portal Draft5. De acordo com o relato, um funcionário da Reason Gaming em 2014, que também era jogador, revelou durante uma entrevista que recusou, na época, o pagamento do trabalho em adesivos da organização. 

Sete anos depois, cada adesivo está valendo atualmente cerca de $50 mil cada. O valor corresponde a cerca de R$ 263 mil.

O então funcionário estava no primeiro emprego da vida e disse que o dono da Reason Gaming perguntou se ele gostaria de receber os stickers como pagamento

Ao todo, foram oferecidos 10 adesivos holográficos e 50 ou 60 adesivos do tipo padrão. Se ele tivesse aceitado e guardado, o valor chegaria a $617 mil, cerca de R$ 3,2 milhões.

O jogador disse, enquanto se lamentava:

"É... Eu estaria rico, eu estaria... É tipo Bitcoin"

De acordo com o portal, os adesivos da Reason Gaming Katowice 2014 estão entre os mais raros do mercado. Os valores são altos e somente a versão holográfica pode ser vendida mais de $53 mil cada. Já os adesivos do tipo padrão são vendidos por $2,3 mil cada um, em média.

Com as criptomoedas, muita gente teve reação parecida.

Quando o Bitcoin surgiu, há cerca de 15 anos, pouca gente acreditava que poderia se tornar um investimento e render valores tão altos.

Atualmente o Bitcoin é a maior criptomoeda por valor de mercado e atingiu o pico histórico de US$ 62 mil, ou R$ 334.589

Apesar do valor atual ser menor (R$ 261.693, no momento da escrita deste artigo), a cada dia, mais investidores institucionais aderem ao BTC.

Bancos utilizam a tecnologia por trás do Bitcoin, a Blockchain, para garantir segurança nas operações financeiras. E países adotam o Bitcoin como moeda. 

LEIA TAMBÉM