Um dos early adopters do Bitcoin no Brasil, Allex Ferreira, conhecido como o Barão do Bitcoin, anunciou nesta semana o lançamento de uma coleção de tokens não fungíveis (NFTs) que estão sendo vendidos no OpenSea.

Inicialmente o empresário do universo cripto listou 3 NFTs que são fotografias tiradas por Allex que também é fotografo profissional.

No entanto, uma das imagens transformadas em NFT é uma foto que faz parte da história do Bitcoin retratando a primeira vez que o BTC foi levado até o pico do Mont Everest. Em 2015, Allex, com a colaboração de um grupo de entusiastas brasileiros de BTC levou a bandeira até o pico do monte mais alto do mundo.

Os NFTs estão sendo negociados entre 0,17 e 5 ETH.

Nova empresa de BTC no Brasil

Nos últimos meses, a tokenização de investimentos tem ganhado força no Brasil. De acordo com estimativas da consultoria MarketsandMarkets, o mercado global de tokenização deve ter um crescimento médio anual de 19,5% entre 2020 e 2025, passando de US$ 1,9 bilhão para US$ 4,8 bilhões no período.

Com o crescimento acelerado no setor, o Brasil ganha uma nova empresa voltada ao segmento, a BlockBR focada no mercado de agro no Rio Grande do Sul.

A expectativa da startup para o primeiro ano é positiva, a empresa espera alcançar 100 mil usuários cadastrados na plataforma e R$ 45 milhões em ativos tokenizados, ainda no primeiro ano de fundação.

ABCripto anuncia mudanças da diretoria

Já a Associação Brasileira de Criptoeconomia anunciou a chegada de três novos integrantes para a diretoria executiva de 2022.

Renata Mancini Lopes, com vasta experiência no setor financeiro e na gerência de Compliance, é a nova Presidente. O advogado e com anos de experiência nas áreas técnicas e de backoffice, Reinaldo Rabelo, assume o cargo de Vice-Presidente.

Ao mesmo tempo, Bernardo Srur, executivo com atuação de mais de 15 anos em governança, mercado financeiro, criptomoedas e economia digital, torna-se o novo Diretor da ABCripto. 

A nomeação dos três executivos, com carreiras construídas no mundo da governança e do mercado financeiro, reforça o desejo da Associação de seguir ganhando corpo e relevância.

“Nosso objetivo é continuar e evoluir o excelente trabalho que já estava sendo feito. Além disso, desejamos conquistar novos membros para a associação e trazer maior investimento em educação e conscientização da população. Como Head de Compliance da NovaDAX, uma das maiores exchanges brasileiras relacionada a criptoativos e também membro da ABCripto, trago um olhar diferente para o cargo e com maior foco em conformidade”, explica Renata Mancini.  

Além dos três novos membros, a mesa diretora é composta por Rodrigo Monteiro, advogado especialista em Regulação, Governança Corporativa, Mercado Financeiro e de Capitais, responsável desde 2021 pelo Relacionamento Institucional da ABCripto.

“O que esperamos para 2022 é um crescimento ainda maior do mercado, do setor e das iniciativas. Queremos o assunto cada vez mais no presente, no cotidiano das pessoas e com a evolução do marco regulatório, entrada de novas empresas, novos players, dúvidas esclarecidas e os investimentos em cripto fazendo cada vez mais parte da vida de todos”, afirma Rodrigo. 

LEIA MAIS