Os primeiros quinze dias de 2022 não tem sido fáceis para os investidores de criptomoedas já que o fraco desempenho do Bitcoin (BTC) no período jogou todo o mercado para o vermelho com os principais criptoativos seguindo o BTC e registrando desvalorizações.

Para o trader e analista Jonathan Morgan, no caso do token nativo da exchange Crypto.com (CRO) a tendência de baixa deve continuar, assim como o metaverso Decentraland (MANA) deve ver seu preço retroceder ainda mais, em quase 20%.

No caso do CRO, Morgan argumenta que o CRO permanece em um viés de baixa apesar das oscilações positivas ao longo da semana. Olhando para o gráfico ele destaca que a retração de 50% de Fibonacci em US$ 0,445 continua sendo a principal zona de suporte para o preço do CRO. 

"A falha em manter o suporte em US$ 0,445 provavelmente empurraria o Crypto.com para US$ 0,37, onde existe um nó de alto volume e a retração de Fibonacci de 61,8%. Os osciladores Índice de Força Relativa e Índice Composto suportam um movimento de baixa, mas o oscilador Optex Bands não. O oscilador Optex Bands está em condições extremas de sobrevenda – mas essa é a única variável de sobrevenda presente", disse.

CRO/USDT Daily Ichimoku Kinko Hyo Chart

Já no caso do MANA, criptomoeda nativa do metaverso mais popular entre os investidores de criptomoedas, Morgan é mais pessimista e aponta que o gráfico indica um momento "esmagadoramente baixista" no gráfico diário de Ichimoku e que pode levar o criptoativo a ser negociado abaixo de US$ 2.

Porém ele aponta que o momento de baixa oferece uma grande oportunidade de lucro de até 40%.

"Há uma configuração fantástica com uma fuga antecipada de fundo triplo. A entrada teórica curta é uma ordem de parada de venda em US$ 2,60, uma stop loss em US$ 3,00 e uma meta de lucro em US$ 1,40. A ideia curta é uma recompensa/risco de 3:1 com um ganho de pouco mais de 40% projetado a partir da entrada", aponta.

Memecoin Shiba Inu pode subir

Enquanto Morgan está pessimista com uma perspectiva de alta para MANA e CRO o analista Akash Girimath acredita em uma alta de curto prazo para a memecoin Shiba Inu (SHIB) que recetemente perdeu holofotes para a Baby Doge (BABYDOGE).

Girimath destaca que o preço do Shib se prepara para uma pequena retração rumo a um piso de suporte que depois desencaderá uma grande tendência de alta para a memecoin.

"A recuperação dessa pequena queda está atualmente configurando outra alta, dando origem a um topo duplo. Portanto, os investidores podem esperar que o SHIB retorne à zona de demanda diária, estendendo-se de US$ 0,0000253 a US$ 0,0000287", disse,

Segundo sua análise um novo teste dessa barreira provavelmente desencadeará uma tendência de alta que impulsionará o SHIB em até 20% para testar novamente o ponto médio da faixa de negociação em US$ 0,0000340 e coletar a liquidez acima dela.

"Em um caso altamente otimista, o preço do Shiba Inu poderia estender essa tendência de alta para testar novamente o intervalo de US$ 0,0000400, representando uma subida de 40%. Embora as coisas possam parecer ambíguas para o preço do Shiba Inu, a zona de demanda diária, que vai de US$ 0,0000253 a US$ 0,0000287, é crucial para determinar o destino da criptomoeda", analisa.

SHIB/USDT gráfico de 4 horas

4 criptomoeda para ficar de olho

No entanto, Lucas Schoch, CEO e fundador da Bitfy, não está com os olhos voltados para CRO, MANA ou SHIB. Segundo ele os investidores devem ficar de olho em 4 criptomoedas, ligadas a contratos inteligentes que nesta semana imprimiram ganhos substânciais no começo de 2022, desgrudando assim da baixa do BTC.

A primeira indicação do executivo é o Near Protocol (NEAR), criado pelo empresário Erik Trautman, o Near possui uma vasta equipe de desenvolvedores que foram vencedores e medalhistas de ouro do ICPC, International Collegiate Programming Contest, uma renomada competição anual de programação entre universidades do mundo todo, patrocinada pela IBM.

"O ativo é um blockchain layer-one, um conjunto de soluções que aprimoram o próprio protocolo de base para tornar o sistema geral mais escalonável. O NEAR possui uma alta na valorização de 9,83% nos últimos 7 dias, e devido a isso, ocupa o nosso primeiro lugar semanal", disse.

Em segundo lugar o analista aponta o Cosmos (ATOM), que se autointitula como um projeto que resolve problemas difíceis enfrentados pela indústria de blockchain. Datado de 2016, quando seu primeiro white paper foi publicado, o token alcançou a marca de 6,15% de alta na valorização de mercado nesta última semana.

Na terceira posição do analista está o token ICP do Internet Computer, que ele aponta representa a terceira grande inovação nas criptomoedas, obtendo uma Blockchain que dimensiona a computação e os dados de contratos inteligentes, os executando na velocidade da web, também processa e armazena dados com eficiência e fornece estruturas de software poderosas para desenvolvedores. 

"O projeto foi fundado em outubro de 2016 por Dominic Williams, porém seu primeiro token foi disponibilizado apenas em 2018, e nesta última semana o ICP valorizou cerca de 3,5%, destaca.

Em quarto lugar, na lista de Schoch está a Fantom (FTM), uma plataforma de contratos inteligentes baseada em DAG. A Fantom fornece serviços de finanças descentralizadas para desenvolvedores usando seu próprio algoritmo de consenso sob medida, juntamente com seu token interno FTM, que visa resolver problemas associados a plataformas de contratos inteligentes, tratando especificamente de velocidade nas transações.

"A Fantom Foundation, que supervisiona a oferta de produtos Fantom, foi criada originalmente em 2018, com o lançamento do OPERA, a rede principal do Fantom, e nesta última semana valorizou o equivalente a 3,20%", finaliza.

LEIA MAIS