Os dados da LocalBitcoins mostram que o volume semanal de negociação na moeda fiduciária do Chile atingiu recentemente um novo recorde histórico.

A plataforma de dados do mercado de criptomoedas CoinDance mostra que o volume na LocalBitcoins no Chile atingiu um novo recorde de mais de 330 milhões de pesos chilenos na semana que termina em 4 de abril.

Volume da LocalBitcoins em pesos chilenos. Fonte: CoinDance

Vale ressaltar que esses números também são influenciados pela depreciação do peso chileno. Segundo dados do site financeiro XE, a moeda caiu mais de 6,45% em relação ao dólar nos últimos dois meses - e perdeu 27% no último ano.

De acordo com o site de dados de mercado de criptomoedas CoinLib, a exchange de criptomoedas chilena CryptoMarket também viu seu volume de negócios aumentar significativamente nas últimas semanas. O volume diário de negociação em dólares dos EUA na plataforma cresceu quase 270% em comparação com 30 de março, atingindo cerca de US$ 281.000.

Os residentes locais parecem estar se voltando para criptomoeda enquanto procuram um ativo que possa proteger suas economias da depreciação.

Como sugere a depreciação de sua moeda fiduciária, o Chile está passando por dificuldades econômicas significativas. A Bloomberg informou recentemente que os problemas do país são ainda mais exacerbados pela atual pandemia do COVID-19, que forçou o Chile a um bloqueio imposto pela polícia e pelas forças do exército. Ainda assim, a Bloomberg afirma que o plano está aparentemente funcionando:

“Até agora, houve apenas 160 mortes registradas em uma nação de 18 milhões. Foram anunciadas 464 novas infecções na quarta-feira, em comparação com um pico de 534 em 16 de abril, elevando o total para 11.296. Como em toda parte, as verdadeiras contagens provavelmente são mais altas.”

Leia mais: