As visões e opiniões expressas aqui são exclusivas do autor e não refletem necessariamente as opiniões do Cointelegraph. Todo investimento e movimentação comercial envolve risco, você deve conduzir sua própria pesquisa ao tomar uma decisão.

Dados de mercado são fornecidos pela HitBTC exchange.

Durante uma reunião com o presidente da Argentina, o investidor norte-americano de venture capital, Tim Draper, falou sobre o potencial da blockchain e das criptomoedass. Ele também pediu que o presidente legalize o Bitcoin para ajudar a nação a sair da crise econômica. Mais tarde, durante uma entrevista, Draper disse que espera que o Bitcoin atinja US$ 250 mil entre 2022 e 2023. Se a criptomoeda se tornar fácil de usar, ele espera que as pessoas abandonem as moedas fiats e optem pelo Bitcoin.

Mas, por enquanto, as empresas estão achando difícil usar as criptos como um meio de pagamento. O último a abandonar as criptos é o serviço de streaming da Amazon, o Twitch. A empresa não mencionou nenhum motivo específico para a decisão.

A popular stablecoin Tether recentemente mudou sua posição de que cada um dos seus tokens em circulação é “100% respaldado” por moeda fiduciária. Agora, afirma que cada token é respaldado por “moeda tradicional e caixa equivalente e, de tempos em tempos, pode incluir outros ativos e recebíveis de empréstimos feitos pela Tether a terceiros, incluindo entidades afiliadas”. A situação levantou uma bandeira vermelha já que o Tether não realizou uma auditoria de terceiros.

BTC/USD

O Bitcoin (BTC) foi negociado perto dos US$ 4.000 nos últimos dias. É pouco provável que esta negociação de pequena escala continue por muito tempo. Prevemos uma mudança de grande alcance nos próximos dias.

Se o intervalo se expandir para o lado positivo, o par BTC/USD pode aumentar para US$ 4.255. Esta é uma grande resistência, acima da qual o par completará um padrão de fundo duplo, que tem como objetivo um alvo mínimo de US$ 5.273,91.

No entanto, se a expansão for para o lado negativo, a moeda digital poderá cair para o SMA de 50 dias. Se esse suporte também ceder, o próximo suporte no lado negativo é US$ 3.355.

A EMA de 20 dias está se achatando e o RSI está logo acima do centro, o que aponta para uma consolidação no curto prazo. Os traders podem manter o stop loss nas posições longas em US$ 3.550. Como os touros não conseguiram ultrapassar a barreira psicológica de US$ 4.000, subiremos os stops nos próximos dias.

ETH/USD

O Ethereum (ETH) quebrou a EMA de 20 dias e a linha de tendência de alta. Seu próximo suporte é no SMA de 50 dias, abaixo do qual é provável uma queda para US$ 125,88. Se esse suporte também quebrar, a moeda digital perderá força. Portanto, os traders podem manter o stop loss nas posições longas restantes em US$ 125.

Ao contrário da nossa expectativa, se o preço encontrar suporte na SMA de 50 dias e inverter a direção, tentará novamente romper os US$ 144,78. Se bem sucedido, o par ETH/USD pode subir para US$ 167,32.

No entanto, a EMA de 20 dias diminuiu e o RSI também caiu abaixo de 50, o que indica uma consolidação.

XRP/USD

O Ripple (XRP) quebrou a linha de tendência de alta e se afastou das médias móveis. Isso mostra que os ursos têm a vantagem. Uma quebra abaixo de US$ 0,30 pode arrastar o preço para US$ 0,29 e, abaixo dele, para US$ 0,27795. Este é um suporte crítico que tem sido usado desde dezembro do ano passado. Um desdobramento disso pode resultar em um novo teste da baixa anual.

Ao contrário da nossa expectativa, se o par XRP/USD se recuperar dos níveis atuais ou de um dos suportes no lado negativo, tentará novamente subir acima da resistência de US$ 0,33108. Nós antecipamos um movimento forte se o preço se mantiver acima da linha de resistência do canal descendente. Por enquanto, os traders podem manter o stop loss nas posições longas abaixo de US$ 0,27795.

LTC/USD

O Litecoin (LTC) continua a enfrentar vendas perto da linha de resistência. No lado negativo, os touros estão fornecendo suporte na EMA de 20 dias. O RSI ainda está mostrando uma divergência negativa, o que é um sinal vermelho. Uma quebra da EMA de 20 dias e da linha de tendência de alta em desenvolvimento aumentará a probabilidade de uma queda para a SMA de 50 dias. Portanto, os traders podem manter o stop loss em todas as posições longas restantes em US$ 55.

No entanto, se o par LTC/USD SE recuperar da EMA de 20 dias, tentará novamente romper a linha de resistência e subir para o próximo objetivo de US$ 69,2790. Ambas as médias móveis estão subindo, o que mostra que os touros ainda têm a vantagem. Esperamos uma mudança decisiva nos próximos dias.

EOS/USD

Os touros estão lutando para manter a EMA de 20 dias. Uma falha nesse nível aumenta a probabilidade de um colapso e uma queda para a SMA de 50 dias, que pode funcionar como suporte. Com a EMA de 20 dias nivelada e o RSI próximo de 50, o EOS terá uma escalada limitada por alguns dias.

Se os ursos afundarem o par EOS/USD abaixo da SMA de 50 dias, o preço poderá cair para US$ 3,1534. Este é o suporte final, abaixo do qual a tendência ficará negativa. Portanto, os traders podem proteger suas posições longas restantes com stop em US$ 3,10.

Por outro lado, se o par saltar para os níveis atuais ou para a SMA de 50 dias, tentará novamente sair de US$ 3,8723. Se este nível for escalado, o próximo alvo a ser observado no lado positivo é US$ 4.4930.

BCH/USD

O Bitcoin Cash (BCH) subiu para a resistência de US$ 163.89, onde encontra alguma dificuldade. No entanto, ambas as médias móveis estão inclinadas e o RSI está próximo da zona de sobrecompra, o que mostra que os touros estão no banco do motorista.

É provável que uma quebra de US$ 163,89 atraia compradores, empurrando o preço para a próxima resistência acima de US$ 175 e, acima disso, para US$ 220. O par BCH/USD tem um histórico de ralis verticais, portanto, os traders podem manter as posições longas com stop em US$ 140.

Nossa visão otimista será invalidada se a moeda digital cair do nível atual e ficar abaixo da EMA de 20 dias. Nesse caso, o par pode ter uma escalada limitada por mais alguns dias.

BNB/USD

O Binance Coin (BNB) subiu acima da resistência geral de US$ 16,6442826 e chegou muito perto do nosso objetivo de US$ 18 em 24 de março. Antecipamos uma forte resistência em US$ 18. Portanto, sugerimos que os investidores realizem lucros acima de US$ 17, mantendo apenas cerca de 25% das posições longas abertas para qualquer movimento mais alto. O stop loss deve ser realizado em US$ 15.

Se os touros escalarem acima de US$ 18, um rali para as altas máximas de US$ 26,4732350 é provável. Isso fará com que o par BNB/USD seja uma das primeiras criptomoedas a fazer uma nova alta, o que é um sinal positivo.

No entanto, se os ursos defenderem o nível de US$ 18, o preço poderá ser corrigido para a EMA de 20 dias. Se esse suporte quebrar, uma queda para o SMA de 50 dias é provável. A tendência vai virar em favor dos ursos se o par se sustentar abaixo da SMA de 50 dias.

XLM/USD

Depois de tentar segurar a EMA de 20 dias nos últimos quatro dias, o Stellar (XLM) quebrou a linha. Este é um sinal de baixa porque mostra uma falta de compra com o forte apoio da EMA de 20 dias.

Se o preço se mantiver abaixo da EMA de 20 dias, o par XLM/USD pode mergulhar no SMA de 50 dias. A linha de tendência de alta está logo abaixo desse suporte. Se o par quebrar abaixo desses suportes, poderá testar novas baixas.

Por outro lado, se a moeda digital salta dos níveis atuais, poderá atingir a linha de resistência. Em uma quebra acima de US$ 0,13250273, a criptomoeda pode chegar a US$ 0,14861760. Os traders podem manter o stop loss nas posições longas em US$ 0,08.

ADA/USD

O Cardano (ADA) subiu bastante nos dias 22 e 23 de março e chegou perto do nosso primeiro objetivo de US$ 0,066121. Com o aumento, ambas as médias móveis aumentaram e o RSI também está próximo da zona de sobrecompra. Isso indica que os touros têm a vantagem.

No entanto, o par ADA/USD está atualmente enfrentando a reserva de lucro. Em uma tendência de alta, os recuos duram entre 1 a 3 dias. Se o par saltar a EMA de 20 dias, isso indicará força. O próximo alvo a ser observado é de US$ 0,080.

Por outro lado, se a moeda digital cair dos níveis atuais e ficar abaixo da EMA de 20 dias e de US$ 0,051468, se tornará negativa. Portanto, sugerimos que os traders mantenham o stop nas posições longas em US$ 0,049.

TRX/USD

O Tron (TRX) saiu da EMA de 20 dias em 23 de março, mas atingiu uma barreira logo acima da SMA de 50 dias. Atualmente, o preço está abaixo da EMA de 20 dias, o que é um sinal de baixa.

Se o par TRX/USD quebrar US$ 0,0220, pode corrigir para US$ 0,02094452. Ambas as médias móveis estão se achatando e o RSI caiu ligeiramente abaixo de 50. Isso aponta para uma provável consolidação no curto prazo.

No entanto, se o par se recuperar dos níveis atuais ou dos US$ 0,0220, tentará romper US$ 0,02815521, o que é uma resistência crítica. A moeda digital ganhará impulso se continuar acima desse nível. Até lá, continuará a enfrentar resistência em todos os pequenos rallys.

Dados de mercado são fornecidos pela exchange HitBTC. Gráficos para análises são fornecidos pela TradingView.