O número de Éter (ETH) empenhado em aplicativos de finanças descentralizadas (DeFi) atingiu um pico histórico de 2,7 milhões e vem crescendo constantemente desde o final de junho, de acordo com o recurso de monitoramento finanças descentralizadas DeFiPulse.

Dos 2,7 milhões de ETH empenhados, 2,1 milhões (77%) estão postos no Maker, sistema por atrás da stablecoin DAI.

Além disso, 337.800 ETH (12,5%) estão atualmente aplicados no app de empréstimo descentralizado Compound. O Ether restante é dividido entre aplicativos DeFi menores, incluindo exchanges descentralizadas e derivativos financeiros.

Ether empenhado em aplicativos DeFi. Fonte: DeFiPulse

DeFi cresce apesar das condições de mercado

O gráfico de um ano do valor em dólar de criptoativos empenhados em aplicativos DeFi mostra alguma correlação com o preço do Ether, mas não é totalmente dependente dele. Quando o preço do Ether caiu após atingir seu pico em julho, o valor dos criptoativos em apps DeFi foi afetado apenas temporariamente.

Depois de cair junto com o preço do Ether em julho, o valor dos ativos aplicados em DeFi retomou seu crescimento, enquanto o preço da moeda continuou majoritariamente caindo.

Embora a correlação entre os dois ativos tenha diminuído acentuadamente após agosto, o preço do Ether ainda afeta o valor dos fundos empenhados ao serem observados prazos mais curtos.

Na semana passada, o valor total dos ativos empenhados nesses apps diminuiu com a queda do preço do Ether. Até o momento desta publicação, o valor desses ativos é de US$ 619,7 milhões, abaixo da máxima histórica de US$ 675,6 milhões relatada em 21 de novembro.

Valor total dos criptoativos empenhados em aplicativos DeFi. Fonte: DeFiPulse

No total, mais de 48% (US$ 302,5 milhões) estão empenhados no Maker, 23,8% nos derivativos DApp Synthetix e 15,2% no Compound. Os 15,2% restantes dos fundos empenhados estão distribuídos entre outros aplicativos.

O aplicativo que detém quase metade de todos os fundos em apps DeFi, o Maker, passou recentemente por uma grande atualização. Como o Cointelegraph relatou em 18 de novembro, o Maker lançou recentemente uma versão atualizada de sua stablecoin DAI, que agora pode ser apoiada por vários tipos de colaterais.