Há um movimento de consolidação do ecossistema do Ethereum, impulsionado pelo espaço financeiro descentralizado (DeFi) e também em função da atualização do protocolo ETH 2.0 e por fim, pelo interesse institucional de empresas como a Grayscale que lançou seu ETF de Ether. Diante de um quadro tão promissor, os endereços ativos de Ether alcançaram a média dos 1 milhão de endereços Ethereum ativos, segundo dados da Dune Analytics.


O número representa um aumento de dez vezes nos endereços desde um ano atrás, quando o DeFi tinha cerca de 91.000 endereços únicos.
 

 

Fonte: Dune Analytics


É importante notar que os usuários individuais podem criar vários endereços de carteira, o que significa que o número de 1 milhão  de endereços de carteira não necessariamente significa uma razão 1:1 para o número de usuários ou entidades envolvidos. 

 

O que é mais notável é que de acordo com os dados da Glassnode, o número de endereços de carteira Ether com um mínimo de 1 ETH atingiu um recorde histórico em 19 de novembro. O número de endereços com mais de 1 Ether atingiu uma máxima histórica em 19 de novembro, passando para 1.170.598 frente aos 1.170.508 anteriores.

Fonte: Glassnode

 

Número de hodlers com lucro em Ether aumentou

O número de detentores (hodlers) de ETH aumentou em mais de 11,45 milhões nos últimos doze meses, de acordo com dados do IntoTheBlock. Devido ao aumento expressivo do preço do ativo, muitos investidores já estão em posições de lucro.

O número de endereços em posição de lucro subiu para cerca de 28,41 milhões de endereços, um recorde histórico para esta métrica, que representa 57,7% do total de detentores de ETH. 

Fonte: IntoTheBlock

Todo esse buzz em torno do Ether sugere que um rali para o token poderia estar se avizinhando. Quando se observa figuras públicas como Steve Wozniak, cofundador da Apple dizer que o Ethereum pode se tornar mais influente e importante que a Apple no futuro, percebe-se uma grande expectativa do mercado sobre o protocolo mais usado para impulsionar diversos negócios baseados no protocolo Ethereum.

 

LEIA MAIS